quarta-feira, fevereiro 25, 2009

ChAOs 4 - o primeiro Chaos
















Fotos: Pedro Ferreira (clique para aumentar)

O que poderemos inventar para padecer, quando tudo o que existe já é realmente tudo.
Que fazer? Falar, falar, falar e falar.
Mas com quem? Connosco próprios e se possível que alguém nos ouça e se incomode com isso.
A inovação velha do abandono, o regresso ao fim, como o fim do princípio.
“ Não achas interessante o que eu digo?” ela “ Não!” ele “ Nunca?”
De novo o silêncio.

O encenador
Pedro Estorninho

quinta-feira, fevereiro 12, 2009

ChAOs 4


















Clique na imagem para ver maior